3ª CIPM - Colinas do Tocantins

Fronteiras e intensificação do policiamento

Dentro da área de circunscrição da 3º CIPM, as cidades de Bernardo Sayão, Juarina e Pau D’arco fazem fronteira com o Estado do Pará, enquanto que a cidade de Palmeirante dá acesso ao estado do Maranhão.

Durante o dia o policiamento é mais intensificado no centro das cidades, até mesmo pela grande movimentação de pessoas e por existir quatro agências bancárias na cidade. Já no período noturno é dado uma atenção maior aos bairros onde o índice de violência e registro de ocorrências são maiores, de acordo com as estatísticas levantadas.

Ressaltando que as referidas cidades possuem projetos de assentamentos e que durante o dia são realizadas patrulhamentos pelo menos uma vez por dia, de acordo com a necessidade e disponibilidade.

Policiamento nas praias

A região da 3ª CIPM é banhada pelos rios Araguaia e Tocantins e nos municípios onde tem praias atraem uma grande quantidade de turistas todos os anos, cabendo a 3ª CIPM a nobre missão de proporcionar segurança a todos os veranistas. No entanto o policiamento é reforçado nas cidades de Arapoema (praia do Jacu), na cidade de Bernardo Sayão (praia da Macedônia), na cidade de Juarina (praia do Girassol) na cidade Palmeirante (praia de Palmeirante e Ilha do Cará) e na cidade de Pau D’arco (praia da fofoca).